Arquivo da tag: como fazer cerveja em casa

Aeração do Mosto

Com nosso mosto resfriado e antes de inocularmos as leveduras, devemos levar em consideração uma parte importante do nosso fabrico: a Aeração do Mosto.

Aeração do MostoAs leveduras necessitam de dois itens importantes para se multiplicarem: esteróis e ácidos graxos. Ambos podem ser adquiridos no mosto ou produzidos pelas próprias leveduras. Porém, devido a dificuldade das leveduras em absorver os esteróis do mosto, elas acabam produzindo-os, necessitando do oxigênio para sintetizá-los.

O Processo de Aeração do mosto consiste basicamente em introduzir uma quantidade suficiente de oxigênio para auxiliar na multiplicação das leveduras garantindo a fermentação saudável do mosto.

Como vimos, para o crescimento e reprodução das leveduras o oxigênio é um importante facilitador, mas qual é a quantidade ideal?

A quantidade ideal de oxigênio dissolvido no mosto deverá estar em torno de 8-12 ppm (partes por milhão).

Métodos de Aeração do Mosto

Existem diversos métodos para a aeração do mosto, porém, vou apresentar dois métodos eficientes e fáceis de se fazer:

Splash

O Splash é um dos métodos mais simples e fácil de se fazer. Trata-se apenas de deixar o mosto cair lentamente da panela de fervura para o fermentador, o que injetará uma quantidade em torno de 4 ppm de oxigênio no mosto, ou seja, metade do mínimo necessário.

Continue lendo

Aprenda mais sobre a Brassagem da Cerveja Artesanal

A Brassagem é sem dúvida uma das partes mais importantes do processo quente da produção da cerveja artesanal. E quando estamos começando nesse maravilhoso hobby de Fazer Cerveja em Casa, procuramos seguir uma receita e quando seguida à risca, obtemos ótimos resultados. Mas, entender as nuances da brassagem lhe permitirá dominar as características desta etapa e ficar atento a qualquer modificação que se faça necessária durante o fabrico.

Brassagem Cerveja Artesanal

O objetivo da brassagem ou mosturação é ativar as enzimas contidas no malte através do cozimento dos grãos em água quente para que possam converter o amido contido no malte em açúcares fermentáveis (maltose) e não-fermentáveis (dextrinas), constituindo assim o mosto cervejeiro.

Continue lendo

Moagem do Malte

Bem meu amigo cervejeiro, agora que estamos com nossos equipamentos montados, vamos avançar para o próximo estágio de nossa jornada para Aprender a Fazer Cerveja em Casa: o Processo de Produção da Cerveja Artesanal.

E inicio esse tópico com uma das partes fundamentais da fabricação da cerveja artesanal: a Moagem do Malte.

A moagem do malte tem um impacto direto sobre a eficiência geral da brassagem, e tem o objetivo de expor o endosperma dos grãos e separá-lo da casca, e não simplesmente triturar o malte.

Importância de uma boa Moagem

Como dito, a moagem tem por objetivo expor o endosperma contido no interior dos grãos, o qual é rico em amido, para que durante a brassagem as enzimas quebrem esse amido em açúcares menores que posteriormente serão consumidos pela levedura no processo de fermentação.

Para uma boa moagem, o ideal é controlar seu moedor para obter uma quantidade razoável de cascas inteiras, um pouco de farelo e praticamente nenhum grão inteiro.

As cascas são importantes pois nos auxiliarão na filtragem e clarificação do mosto, tornando-o mais límpido.

Equipamentos Necessários para Moagem do Malte

Para a moagem do nosso malte, podemos utilizar dois tipos de moedores: o de discos (próprio para cereais) ou o de rolos.

Continue lendo