Equipamentos para fazer cerveja em casa

2 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 2 2 Flares ×

Diferente do que muitos pensam, fazer cerveja em casa é relativamente fácil! Nada que com um pouco de paciência, força de vontade e alguns equipamentos básicos, qualquer pessoa não possa fazer a sua própria cerveja.

Assim, criei uma lista com alguns equipamentos básicos para se fazer cerveja, os quais podem ser facilmente encontrados tanto na internet quanto em algumas lojas em sua cidade. Ou até mesmo, montados/adaptados por você.

Brassagem

Essa lista traz como ideia a produção de levas de 20 litros, mas, te garanto, logo você vai querer ampliar suas levas!

Para facilitar, vou listar os equipamentos para fazer cerveja de acordo com as etapas do processo de fabricação. Mas lembre-se, alguns desses equipamentos poderão ser utilizados em mais de uma etapa:

Equipamentos para fazer cerveja em casa

Moagem

Balança Digital

A balança é essencial para pesarmos o malte e o lúpulo, assim como alguns adjuntos ou outros ingredientes que poderão ser utilizados em nossa receita.

 

 

 

 

 

 

Moedor de Cereais

Para a moagem do nosso malte, podemos utilizar dois tipos de moinhos: o de discos (próprio para cereais) ou o de rolos. Sendo que a primeira opção é bem mais em conta, porém o moinho de rolos proporciona uma melhor eficiência.

Moedor de Cereais

 

 

 

 

 

E um pouco de força nos braços!

Brassagem

Caldeirão de alumínio nº 36 com válvula extratora

O caldeirão número 36 tem capacidade total de 32 litros, o que nos dá espaço suficiente para nossa leva de 20 litros.

Esse é um caldeirão de alumínio nº 36, velho de guerra! Companheiro de muitas brassagens... =)

Esse é um caldeirão de alumínio nº 36, velho de guerra! Companheiro de muitas brassagens… =)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Colher grande (pode ser de madeira ou polietileno)

Para mexer nosso mosto!

Colher grande

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Termômetro alimentício

O controle de temperatura é indispensável na brassagem, pois são as diferentes faixas de temperatura que farão as conversões dos amidos em açúcares, conforme o perfil de nossa receita.

Termômetro alimentício

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fogareiro de Alta Pressão

Este é um dos itens que no começo pode ser substituído pelo fogão de sua cozinha.

Fogareiro de Alta Pressão

 

 

 

 

 

 

Proveta de 250ml

Utilizado em conjunto com o densímetro.

Proveta de Plástico

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Densímetro de massa específica

Será utilizado para medir a quantidade de açúcares convertidos durante a brassagem, nos dando um parâmetro de nossa eficiência,  assim como para o controle da fermentação.

Densímetro de massa específica

 

Filtragem/Lavagem

Filtro para o mosto (uma bazooka ou fundo falso)

Filtro para o mosto

 

 

 

 

 

 

 

 

Jarra de plástico

Utilizada para a recirculação/clarificação do mosto e na lavagem do bagaço.

Jarra de Plástico

 

 

 

 

 

 

 

 

Escumadeira

Utilizada em conjunto com a jarra para que na hora de despejar o mosto/água no caldeirão não perfure a malha filtrante formada pelo bagaço de malte.

Fervura/Resfriamento

+1 Caldeirão de alumínio nº 36 com válvula extratora

Peneira grande

Essencial para coletar as proteínas coaguladas que se formarão no início da fervura do mosto evitando a possível formação de off-flavors.

Peneira

 

 

 

 

 

 

Chiller de imersão

Nada mais é que uma serpentina de cobre em que de um lado entra água fria que passará por toda a serpentina resfriando o mosto pós-fervura.

Chiller de Imersão

 

 

 

 

 

 

Fermentação/Maturação

2 Baldes de plástico alimentício (atóxico) de 22 litros com tampa e torneira

Esses baldes serão utilizados para a fermentação e maturação da nossa cerveja, sendo necessário a utilização de baldes próprios para alimentos.

Balde Fermentador/Maturador

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Airlock

Tem a função de permitir a liberação do CO2 do balde fermentador ao mesmo tempo em que impede a entrada de ar. Na internet são facilmente encontrados.

Airlock

 

 

 

 

 

 

 

 

Geladeira com Termostato

A utilização de uma geladeira com controlador de temperatura na fermentação e maturação é importantíssimo para se atingir o perfil desejado em suas cervejas.

Termostato

 

Envase

Garrafas

Garrafas

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Escova para limpar garrafa

Escova para garrafa

 

 

 

 

 

Colocador de tampinhas

Colocador de Tampinhas

 

 

 

 

 

 

 

Tampinhas

Tampinhas

 

 

 

 

 

 

Que tal você mesmo adaptar/montar seus equipamentos cervejeiros? Aposto que você vai economizar uma graninha…

Portanto Cervejeiro, não perca a próxima parte!

Ah, animado para começar a fazer sua cerveja? 🙂

Quer Aprender Mais Sobre Cerveja?

Cadastre seu email abaixo e receba gratuitamente as dicas e atualizações do blog!

privacy Fique tranquilo, também odiamos spam 😉

14 ideias sobre “Equipamentos para fazer cerveja em casa

  1. Carlos

    Olá, gostei muito da forma bastante didática com que você expõe e explica todos os equipamentos para a fabricação da cerveja.
    Tenho ficado cada vez mais interessado em montar uma fabriqueta aqui em casa, mas eu sou muito iniciante no assunto e, pelo que tenho pesquisado para a compra de equipamentos, tenho encontrado muita variação de preços, que vão desde 350,00 a 1.600 reais.
    Será que você poderia me dar umas dicas de onde adquirir um bom kit pra quem tá iniciando ? Eu ficaria extremamente agradecido !

    Carlos Melo.

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Carlos!

      Bem, a forma mais barata e eficiente de você montar a sua “fabriqueta” é adquirindo separadamente cada equipamento e ir adaptando, caso necessário, cada um deles. E te garanto que não é difícil e a economia será bem visível.

      Por exemplo:

      Você pode adquirir os Caldeirões, Colher, Termômetro e Fogareiro, em lojas que vende materiais para cozinhas industriais, e os materiais para a válvula extratora em hidráulicas.
      Já a Balança Digital e Termostato, o Mercado Livre é um ótima opção com preços excelentes.
      O Balde Alimentício (fermentador/maturador), Escumadeira, Peneira, Jarra e Escova para limpar garrafas, você pode encontrar em lojas que vendem utensílios de cozinha.
      O Moedor de Cereais e o Colocador de tampinhas, você também pode encontrar na mesma loja que vende os caldeirões, mas, consulte também na Indupropil, pois, eles tem ótimos preço desses produtos, assim como, do proveta e o densímetro.

      É claro que montar/adaptar tem seus pós e contras, mas, caso prefira em obter o kit eu aconselho comprar de lojas como WE Consultoria, ArteBrew e Lamas Brew Shop.

      Muito obrigado pela visita e ótimas cervejas!

      Responder
  2. denis

    amigo onde eu encontro uma maquina que eu possa estampar meu uma imagem e o nome do meu bar na tampa da garrafa ou alguem que faça isso ?

    Responder
  3. Cássio Pedrosac

    Boa noite meu caro, primeiramente parabéns pelo post e pelas excelentes informações disponíveis.

    Estou cotando equipamentos para produzir cervejas e gostária de esclarecer uma dúvida quanto a um produto desta loja, trata-se do Grain Bag – http://alquimiadacerveja.com.br/index.php?route=product/product&product_id=256

    Pelo que entendi ele é usado, sobretudo, para que o homebrew utilize apenas uma panela tanto na brassagem quanto na fervura, certo?

    Se sim, o seu uso dispensa o uso do filtro bazzoka ou fundo falso? Penso que sim, pois o mesmo faz papel de filtro do mosto.

    Sabe a durabilidade de uma Bag destas quanto ao número de brassagens?

    O que você tem a me dizer a respeito de produções com esse metodo.

    Boa semana!
    Abraço!

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Cássio,

      A Grain Bag é bastante utilizada no método de produção chamado BIAB (Brew In a Bag), que consiste basicamente em você fazer a brassagem e fervura numa mesma panela, dispensando desta forma o uso de bazooka ou fundo falso.

      Quanto a durabilidade da grain bag fica um pouco difícil de estimar, no entanto pode ficar tranquilo que se cuidado direitinho esse material é pra aguentar um “bocado” de brassagens.

      Para aqueles que não tem tanto espaço ou busca por uma certa praticidade na hora de produzir sua cerveja, esse método é altamente recomendado.
      Em breve estarei publicando um post exclusivo sobre esse tipo de produção =)

      Muito obrigado Cássio!
      Abraço e boas cervejas.

      Responder
  4. Daniel

    David,

    Gostei muito do post. Porém sou iniciante no assunto e tenho algumas dúvidas. Já vi oferecerem kits com bomba para a circulação (para o resfriamento do mosto). E com produtos a mais e a menos. Como a utilização do rabicho (elétrico) dentro da panela para manter a temperatura entre 65 a 75 graus ( ao invés de utilizarem o fogão a gás.

    Mas nessa lista de matérias, muito didática, você não explica como alguns materiais são utilizados.
    De que maneira é feito o resfriamento da cerveja por meio do chilrer. como esses materias seriam montados ?
    Acho que o maior dificuldade do processo é enxergar como cada material vai ser utilizado durante o processo.

    Vlw!

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Daniel,

      Sem dúvida, no começo a maior dificuldade é saber de quais equipamentos realmente nós precisamos para fazer cerveja em casa e como devemos executar cada uma das etapas do processo.

      E para esclarecer essas dúvidas, aqui no Condado da Cerveja eu separei uma sessão inteira para tratar disso: “Como Fazer Cerveja Artesanal“.

      Nessa sessão, eu selecionei vários posts mostrando desde como montar alguns equipamentos, até como executar cada uma das partes do processo de fabricação da cerveja, que vale e muito dar uma olhada. =)

      Forte abraço e bons estudos cervejeiros.

      Responder
  5. Ligia

    Olá! Estou gostando bastante das suas dicas. Só gostaria de chamar a atenção para um detalhe. Quando você diz que pode pegar a escumadeira da esposa ou da mãe, você parte do princípio que só homem faz cerveja e que só mulher faz comida. Lá em casa eu que faço cerveja e eu e meu marido cozinhamos. Fico muito chateada com esses comentários exclusivos.

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Ligia,

      Você tem toda razão, e eu agradeço imensamente por você fazer parte do Condado da Cerveja e nos contribuir com a tua valiosa observação . 🙂

      Já até retirei tal comentário do texto.

      E vale ressaltar que já iniciamos uma revisão em todos os post do Condado, principalmente os mais antigos, também com o intuito de retirar todo e qualquer comentário nesse formato.

      Forte abraço e ótimas cervejas.

      Responder
  6. João

    Amigos, para os que desejam fazer uma cerveja mais rapida, qual a opiniao de voces sobre o extrato de malte ja lupulado e pronto !!!
    Fiz uma vez nos USA, e ficou uma cerveja excelente !!
    Aqui no Brasil, ja temos venda de deste produto !!
    joao

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá João,

      Até um tempo atrás eu era extremamente contra…rs

      Mas isso se dava justamente por conta da baixa qualidade dos extratos que eram vendidos aqui no Brasil, no entanto, com o fortalecimento do mercado nacional chegaram muitos extratos bons por aqui, como por exemplo os da Briess.

      Até para você ter uma ideia, no momento em que te escrevo, estou justamente fazendo um teste com um dos extratos deles, para em breve escrever um post aqui no Condado a respeito. 🙂

      Forte abraço e ótimas cervejas.

      Responder
  7. Lucas Drechsler

    Ótimas dicas, minha primeira visita ao site e já curti!
    Mas tenho uma dúvida referente ao termostato da geladeira, ao instalar um equipamento que a desliga em intervalos para manter a temperatura não irá danificar a geladeira? Ainda não comprei um kit completo e fechado, ainda estou cogitando a possibilidade de ir montando pouco a pouco, já venho pesquisando, lendo e vendo vídeos e já tenho uma ideia de quais equipamentos são indispensáveis.
    Abraço!

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Lucas,

      Que legal… Fico bastante contente em sabe que está curtindo os nossos conteúdos 🙂

      Pode ficar tranquilo, essa ligação não irá danificar a sua geladeira, pois na verdade o termostato acionará a geladeira somente quando realmente for necessário, ou seja, não será o tempo todo.

      Ah, nessa sequência de post’s mostro o passo a passo para a montagem de alguns equipamentos.

      Forte abraço e ótimas cervejas.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*