Como Instalar o Termostato na Geladeira Cervejeira

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Quando iniciamos nesse maravilhoso mundo de fazer cerveja em casa, nos deparamos com diversos equipamentos, métodos, processos e muitas outras coisas que precisamos pensar na hora da fabricação, e às vezes deixamos de pensar com carinho no controle de temperatura da fermentação. Acredite, esse descuido pode causar diversos aromas/sabores indesejáveis na sua cerveja, e, em alguns casos, comprometer toda uma leva.

Encontramos diversos relatos de fermentação em temperatura ambiente que teve bons resultados, mas como você busca fazer uma ótima cerveja, não podemos negligenciar essa parte tão importante: o controle de temperatura na fermentação. Portanto, hoje vamos te ensinar a Como Instalar o Termostato na Geladeira Cervejeira.

Termostato

Um dos termostatos mais utilizados por nós, cervejeiros caseiros, tanto pela facilidade de uso quanto pelo baixo investimento, é o TIC-17 da Full Gauge. Ele tem basicamente a função de controlar a temperatura medida por seu sensor de forma que, quando atinge a temperatura desejada, ele automaticamente desliga a geladeira até que ultrapasse novamente a temperatura limite, tornando a ligá-la.ccc

Mas como ele não vem montado, é preciso fazer sua instalação conforme a voltagem desejada (110V ou 220V), que é bastante simples.

Quer Aprender Mais Sobre Cerveja?

Cadastre seu email abaixo e receba gratuitamente as dicas e atualizações do blog!

privacy Fique tranquilo, também odiamos spam 😉

Esquema de Ligação do Termostato TIC-17

Abaixo você pode observar o esquema de ligação do termostato TIC-17:

Esquema de ligação do Termostato TIC-17
Veja que o termostato recebe a alimentação direta pelas porta 7 e 8, no caso de uma voltagem 110V, ou 7 e 9 para 220V, funcionando como um interruptor para sua geladeira que é ligada em paralelo com o controlador.

Como Instalar o Termostato na Geladeira Cervejeira

Além do termostato e a geladeira, para essa montagem e instalação você vai precisar dos seguintes materiais:

– 2 ou 3 metros de Fio Paralelo 2 x 2mm;

– 1 metro de Fio 1,5mm;

– 1 Plug Macho;

– 1 Plug Fêmea;

Com os materiais, basta seguir o esquema de montagem abaixo levando em consideração o tipo de voltagem de sua rede elétrica:

 

Esquema de Instalação Termostato TIC 17 Full Gauge -110V

Esquema de Instalação Termostato TIC 17 Full Gauge -110V

Esquema de Instalação para Termostato TIC 17 Full Gauge -110V

 

Esquema de Instalação Termostato TIC 17 Full Gauge -220V

Esquema de Instalação Termostato TIC 17 Full Gauge -220V

Esquema de Instalação para Termostato TIC 17 Full Gauge -220V

– Após a instalação, coloque a geladeira para trabalhar no máximo;

– Por fim, prenda com uma fita o sensor do termostato do lado externo do fermentador.

Viu como é fácil? E mais, controlar a temperatura de fermentação irá te render ótimas cervejas.

Caso fique com alguma dúvida ou sugestão, deixe seu comentário! 😉

76 ideias sobre “Como Instalar o Termostato na Geladeira Cervejeira

  1. André Gonçalves

    Olá David.

    Parabéns pelo trabalho.
    Acompanho seu blog desde que comecei nesse ramo. É de grande ajuda principalmente para quem está começando.
    Só uma dica: uso um termostato g101 da ageon que é muito bom. Seria interessante ter mais reviews desse tipo de equipamento porque é o que o pessoal mais tem dúvidas nos fóruns que visito.
    Também seria interessante um post falando sobre os principais cursos de cerveja artesanal que acontecem. Particularmente acho bem útil.

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Fala André!

      Dicas muito valiosas André! Vou incluir na sequência de postagem, vlw mesmo.
      Obrigado meu caro, é por conta dos feedback’s de vocês que me motiva a continuar colaborando para a disseminação da cultura cervejeira. 😉

      Uma outra coisa, continue acompanhando que vem umas postagens bem interessantes pela frente…

      Grande abraço e boas cervejas!

      Responder
  2. Igor

    Boa tarde, David!

    Poderia me explicar melhor a parte que está em vermelho (9 e 10) do termostato pra 220V? É um fio pequeno preso nos dois engates 9 e 10? Estou instalando o meu e fiquei com essa dúvida.

    Obrigado!

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Igor!

      Isso mesmo, você irá pegar um pedaço de fio e conectar uma de suas pontas na entrada 9 e a outra na entrada 10, no caso de sua tensão ser 220. Essa conexão servirá como uma espécie de “jumper” para que o aparelho entenda qual a tensão da rede elétrica.

      Obrigado pelo comentário e boas cervejas!

      Responder
  3. marcos

    Oi! Estou tentando instalar o tic 17 e me surgiu uma dúvida: Posso utilizar foi com calibre de 1,5 mm para toda a instalação desse termostato , ou teria que usar um fio 2,0 mm? Abraço.

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Marcos,

      Para a ligação do termostato teoricamente não tem problema em se utilizar um fio de 1,5, porém por questões de segurança e para evitar aquecimento, é recomendado utilizar-se de um fio um pouco mais grosso.

      Forte abraço e boas cervejas!

      Responder
    1. David Silva Autor do post

      Fala Caio!

      O fio de 1,5 será utilizado para fazer a ligação entre as portas do termostato, nas imagens os fios vermelhos.
      Claro que não será necessário 1m para isso, basta um “pedaço”.

      Já o fio 2X2 será utilizado para fazer as ligações com a tomada e a geladeira, no caso, os fios azul e preto.

      Abraço e boas cervejas!

      Responder
  4. Gustavo

    Eu pensava que o sensor ficava preso dentro da geladeira.
    No meu caso não tenho uma geladeira, vou usar um freezer horizontal.
    Será que vai dar certo????

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Gustavo!

      Pode usar sim, no entanto, tenha cuidado para não deixar o fundo do fermentador em contato direto com o fundo do freezer, coloque-o sobre algo (tipo uma madeira por exemplo).
      Quanto ao sensor, ele ficará dentro da geladeira, porém preso do lado externo do fermentador.

      Abraço e boas cervejas!

      Responder
  5. Gabriel Dallagrana

    Opa! Começamos a fazer umas brassagens há pouco tempo e ainda não temos controle de temperatura sobre a fermentação, por isso o interesse neste post, e tenho algumas perguntas:

    – Tem alguma sugestão de marca e modelo de sensor a ser utilizado com o TIC17?

    – No esquema, você liga a geladeira direto como carga. Isso não pode fazer com que ela “demore” um pouco a mais para ligar o compressor, até que o termostato embutido na geladeira “ache” que está na hora de liga-lo? O correto não seria ligar o compressor direto no TIC?

    – Dependendo do lugar e da temperatura de fermentação, pode ser necessário elevar a temperatura. Por exemplo: temperatura externa de 10 graus (em Curitiba isso é normal até no verão) e temperatura desejada de 22 graus (para fazer uma Ale, por exemplo). Esse esquema serve a esse propósito também, ou o pessoal usa outra coisa, com aquecimento, etc?

    – No lugar da geladeira pode ser usado um freezer?

    Não deixe de visitar meu blog com a postagem de nossa pimeira brassagem:

    https://boxixo.wordpress.com/2015/09/26/cervejas-artesanais-guia-de-fabricacao/

    Valeu!!

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Fala Gabriel!

      Claro, vamos às respostas:

      – Tem alguma sugestão de marca e modelo de sensor a ser utilizado com o TIC17?
      No caso do TIC17RGTi – modelo usado no post – eu recomendo utilizar o sensor da Full Gauge, aquele que já vem com o termostato, pois ele cumpre com êxito esse trabalho e você não precisará se preocupar em comprar um outro a parte.

      – No esquema, você liga a geladeira direto como carga. Isso não pode fazer com que ela “demore” um pouco a mais para ligar o compressor, até que o termostato embutido na geladeira “ache” que está na hora de liga-lo? O correto não seria ligar o compressor direto no TIC?
      Na verdade é justamente por isso que você deve colocar o termostato da geladeira para trabalhar no máximo após a instalação do termostato.

      – Dependendo do lugar e da temperatura de fermentação, pode ser necessário elevar a temperatura. Por exemplo: temperatura externa de 10 graus (em Curitiba isso é normal até no verão) e temperatura desejada de 22 graus (para fazer uma Ale, por exemplo). Esse esquema serve a esse propósito também, ou o pessoal usa outra coisa, com aquecimento, etc?
      Com o controlador TIC17 você consegue ligar uma lâmpada para fazer o aquecimento quando a temperatura estiver abaixo da desejada, conforme o seguinte esquema de ligação:
      http://www.homebrewtalk.com.br/showthread.php?t=403732

      – No lugar da geladeira pode ser usado um freezer?
      Pode sim, só tenha cuidado para não deixar o fundo do fermentador em contato direto com o fundo do freezer, coloque-o sobre algo (tipo uma madeira por exemplo).

      Ótimo blog, parabéns! =)

      Abraço e boas cervejas!

      Responder
  6. Tony

    Ola a todos,
    Muito interessante o trabalho que tens vindo a fazer.
    Terei óptimas sugestões para dar 🙂
    Eu escrevo de Portugal e gostava de fazer uma pergunta que vem de encontro a esta, que tem a ver com o controlo de temperaturas. Eu tenho sim uma arca frigorífica horizontal o que vocês chamar de geladeira acho eu e a minha pergunta para todos vocês é como controlam a temperatura para as cervejas tipo ale.
    Sim porque lager é facil a geladeira controlar, mas quando as temperaturas são altas é dificil para a geladeira a poder controlar.
    Como é que costumam fazer para que tudo resulte bem?

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Fala Tony,

      Para controlar a temperatura de cervejas do tipo ale, nos casos onde se precisa manter uma temperatura mais alta, você poderá utilizar o termostato TIC17 e ligar uma lâmpada em conjunto com a geladeira, usando as entradas NA e NF. Assim, quando precisar aumentar a temperatura a lâmpada acende e se precisar diminuir a geladeira é ativada.
      No comentário acima eu posto um link com o esquema de ligação para esse tipo de configuração.

      Muito obrigado Tony, fico lisonjeado em poder ajudar também os nossos amigos cervejeiros de Portugal =)
      Abraço e boas cervejas.

      Responder
  7. Tony

    Boas David Silva,
    Grato pela sua resposta:)
    Já agora, alguém faz algum tipo de escape de gazes das geladeiras com o propósito de libertar os gazes produzidos durante a fermentação?

    Fica aqui uma sugestão para se falar na famosa espuma que ocorre durante a fervura.
    A espuma de proteínas deve-se retirar ou deve-se dissolver-la agitando o mosto?

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Tony,

      Sim, o ideal é você utilizar um airlock para que o CO2 gerado durante a fermentação seja liberado, mas que ao mesmo tempo, o ar externo seja impedido de entrar no fermentador. Nesse post eu falo um pouco da importância da utilização dele e também como montá-lo.

      As proteínas coagulada, formadas durante o processo de fervura, deverão ser removidas com o auxílio de uma peneira para que o processo de evaporação flua corretamente.

      Abraço!

      Responder
      1. Tony

        David, muito obrigado.
        Eu expliquei-me mal, mas o que falava é que os gás libertado pelo air lock fica dentro da geladeira e a minha pergunta é se faziam algo para libertar esse odor dentro da genadeira para não estar uma segunda força de gás a fazer pressão dentro de uma geladeira. Se for mais que um fermentador de certeza que chega a gerar alguma pressão dentro da geladeira… Embora não deva haver nenhum problema….

        Responder
  8. Tony

    Estive a ver melhor os detalhes do termostato e este apenas dá para, ou frio ou calor não os dois ao mesmo tempo. Ou seja.
    Se ligar a lâmpada e ou uma resistência apenas consigo controlar a lâmpada, para controlar o frio teria de ter um segundo termostato é isso?

    Responder
      1. Acbedin

        Caro David, por quê ao instalar a lâmpada no meu termostato modelo MT-512E 2HP/12, ela acende sempre junto quando o compressor da geladeira é acionado? Já fiz de tudo, troquei os fios, mexi nas configurações do termostato e nada resolve. Preciso da sua ajuda mestre!

        Responder
    1. David Silva Autor do post

      Fala Álvaro,

      Bem, eu não tenho muita experiência com esse termostato mas fique atento que o esquema de ligação dele é um pouco diferente:
      – Segue os links com um exemplo de ligação fornecido pela WE para 110V e 220V

      Abraço e boas cervejas!

      Responder
  9. Helcio

    Olá meu controlador full gauge é somente para 230V. esta alimentação é só para ele ou terei que usar uma geladeira também 220V, já que sou de Minas e aqui é 110V.
    Obrigado

    Responder
  10. Filipe Martins Nunes

    Boa tarde David,

    Estou no impasse de como realizar a fermentação, meu espaço é pequeno e não cabe uma geladeira específica para a fermentação/maturação, tenho uma cervejeira consul e estou na dúvida se consigo utiliza-la para esse processo, logicamente que com os controles de temperatura dela (4 a -4 graus) não consigo, mas é possível utilizar esse mesmo sistema (que você apresentou) para a cervejeira? Isso pode de alguma forma danifica-la?

    Parabéns pelo post e pelo blog, fantástico saber que temos pessoas como você para nos ajudar nessa jornada cervejeira.

    Abraço!

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Filipe,

      Observando o manual e algumas especificações dessa cervejeira, não vi nenhum problema em utilizá-la junto com o termostato para fazer a fermentação/maturação da sua cerveja.

      Quanto ao esquema de ligação seria esse mesmo, respeitando a voltagem da sua geladeira, lembrando que o controle de temperatura da cervejeira deverá ficar no mais baixo.

      Abraço e boas cervejas.

      Responder
  11. Sérgio Mellão

    Muito bom o post. Se me permite uma dúvida :
    – Se eu deixar o termostato da geladeira no máximo (ou seja na menor temperatura possível) , ele não ira contrastar com o tic 17 ?? Porque o termostato ira verificar que a temperatura , que vai estar por exemplo a 23 graus dentro da geladeira e ira ligar o motor , e ai vem o tic 17 verifica que a temperatura esta baixando e desliga…não irá queimar o motor deste jeito ??!!

    Abraço.

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Sérgio,

      Esse é justamente o motivo para você deixar o termostato da geladeira no máximo, pois o controle de acionar a geladeira ficará por conta do TIC, ou seja, ele servirá apenas como um interruptor que ligará e desligará a geladeira conforme a faixa de temperatura estipulada. Dessa forma, o termostato da geladeira não ficará funcionando o tempo, somente quando o TIC acionar a geladeira, que no caso, ele vai entender que precisará acionar o motor.

      Abraço e boas cervejas.

      Responder
  12. Lucas

    Fala, irmão! Parabéns pelo trabalho! queria tentar ajudar a melhorar. olha só, acho q seria uma boa vc colocar nos desenhos quais são as grossuras dos fios e os positivos e negativos. eu tive q ir nos comentários pra descobrir isso. mas de qq jeito me ajudou bastante. um grande abraço!!

    Responder
  13. carlos waldir costa

    Parabéns! vocês foram os únicos a demonstrar com extrema clareza a instalação elétrica do tic 17. têm o meu respeito.

    Responder
  14. Doug Mero

    David,

    Mas não gera conflito com o termostato original da geladeira?

    Por exemplo: se eu ajustar o tic para 0°C ele não vai chegar a 0°C pois a a propria geladeira vai desligar antes porque o sensor original das geleiras atingem no máximo 5°C.

    Nao seria necessario desativa o sensor da geladeira?

    Doug

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Doug,

      Na verdade é preciso que você coloque o controlador do termostato da geladeira para trabalhar no máximo (o mais frio rs), pois desta forma, o controle de ligar a geladeira ficará por conta do TIC, ou seja, ele servirá apenas como um interruptor que ligará e desligará a geladeira conforme a faixa de temperatura estipulada.

      Mas é importante levar em consideração a capacidade de refrigeração da geladeira, que dependendo, não irá realmente chegar a 0º.

      Abraço e ótimas cervejas.

      Responder
  15. Carlos Júnior

    Olá David coloquei o termostato na geladeira, ajustei para 9 mín e 11 máx, depois para 8 e 10, e mesmo assim a geladeira não sai de 12 graus, porquê? Será que o termostato não está bom? Ou a geladeira está com problemas? Lembrando que estou fermentando uma lager e queria deixar a 10 graus. Obrigado!

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Carlos,

      Me diz uma coisa, você colocou a geladeira para trabalhar na temperatura máxima dela? E uma outra questão, o sensor do termostato está medindo diretamente a temperatura do fermentador ou da geladeira?

      Abraço e ótimas cervejas.

      Responder
  16. Charles Josué

    Na hora de fermentar precisarei de 23°C, como irei usar um freezer para a fermentação tem algum problema eu regular o equipamento para trabalhar nessa temperatura? Sendo que normalmente esse freezer atinge -40°C. Poderia causar algum dano ao meu freezer forca-lo a trabalhar a uma faixa tão alta??

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Charles,

      Pode sim sem problemas, até porque, nessa temperatura seria como se ele estivesse desligado, onde somente quando a temperatura se elevar para acima de 23ºC que o termostato irá fazer com que ele trabalhe, o que ainda assim, será por um curto período.

      Forte abraço e ótimas cervejas.

      Responder
  17. Claudio

    Olá David

    Adorei suas postagens, ajuda muito quem quer iniciar. Vinha buscando um Kit, mas cada um tem uma configuração e isso me deixava em dúvidas. Com suas postagens, decidi montar o meu e aprender a arte da fabricação artesanal, desde a montagem do kit.
    Forte abraço e muito obrigado.

    Responder
  18. Thiago

    Bom dia.. tentarei montar o termostato em uma geladeira para fermentar minha próxima cerveja.. tenho duas dúvidas pelo que li aqui chat:

    – qual o gradiente de temperatura que a geladeira irá operar?? (ou seja, o mínimo e o máximo)
    – se caso eu precise colocar uma lâmpada para elevar a temperatura, qual utilizar??

    se tiver o esquema de ligação com lâmpada para 220V, publique aqui tb pfv..
    obrigado!! abrs..

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Thiago,

      O mínimo pode variar de geladeira para geladeira, que na maioria dos casos, a temperatura pode chegar a bem próximo de 0ºC. Isso lembrando de manter o controlador da geladeira trabalhando no máximo.

      Já a temperatura máxima vai depender do ambiente, ou seja, quanto mais quente a temperatura externa maior será a temperatura interna, e se caso precise aumentar um pouco mais, pode-se utilizar uma lâmpada bem fraca para essa função.

      Num comentário acima, eu postei o esquema de ligação desse termostato com a geladeira + a lâmpada.

      Forte abraço e ótimas cervejas.

      Responder
  19. Fernando

    Olá,
    Como não sou do ramo, queria saber se o sensor que fica dentro da geladeira é passado pela porta ou há alguma outra forma? Obrigado

    Responder
  20. danillo

    Bom dia! Vi q a configuração da geladeira deve ficar no maximo. O mesmo devo fazer p congelador ou posso deixá-lo no mínimo p tentar economizar energia?

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Danilo,

      No caso do freezer, pode sim. No entanto, recomendo que faça um teste, deixando no mínimo, para ver o tempo que levará para reduzir a temperatura do fermentador, e se caso demorar muito, vá regulando.

      Uma outra questão no uso do freezer, é o cuidado para não deixar o fundo do fermentador em contato direto com o fundo do freezer, coloque-o sobre algo (tipo uma madeira por exemplo).

      Forte abraço e ótimas cervejas.

      Responder
  21. Marcos

    Olá David,

    Quanto a voltagem do esquema elétrico, ser 110 V ou 220 V, que teria que se atentar seria apenas em relação ao controlador né?
    A geladeira sendo 110 V ou 220 V sempre serão utilizadas as portas 7 e 11?

    Responder
  22. Elton José Kerber Junior

    Bom dia,

    Eu tenho um freezer antigo e gostaria de utilizar ele para instalar o TIC.
    É daqueles que só liga na tomada e não regula nada(freezer). Será que o TIC faria o mesmo trabalho? ABRAÇO

    Responder
  23. Jose Pissin

    Bom dia! Primeiramente parabéns pelo post, aliado com todos os comentários está sensacional, pois tira praticamente todas as dúvidas. Vi em algum outro lugar que o camarada mantém o sensor dentro de uma garrafa de água na parte interna, como forma de precisar melhor a temperatura do mosto. Você acha essa idéia viável? Faz alguma diferença? Pois o volume é muito diferente.
    Obrigado!

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá José,

      Muito obrigado =)

      Para se ter um controle ainda mais preciso da sua temperatura de fermentação, o correto é que você posicione o sensor do termostato (com uma fita isolante) na parte externa do fermentador – de preferência numa altura abaixo do nível do líquido -, e por cima do sensor cole algum isolante térmico, como um pedaço de isopor.

      Isso é preciso, pois, como a fermentação é um processo exotérmico, a temperatura interna do balde será, durante essa fase, maior que a externa.

      Forte abraço e ótimas cervejas.

      Responder
  24. Luiz Carlos Nebenzahl

    Olá, otimo este post!
    Os termostatos trabalham com um intervalo de temperatura, quando chega na maxima ele liga o refrigerador e so vai desligar quando chegar na minima. Qual seria o intervalo de temperatura mais indicado? Eu uso um intervalo de 4°C.
    E no caso de um fermento que trabalhe em uma temperatura de 17-24°C como devo ajustar a temperatura minima no termostato?
    Há necessidade de medir a temperatura no interior do fermentador? Ou medindo a temperatura do refrigerador já é suficiente?

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Luiz,

      Para não se criar uma diferença muito grande entre a temperatura alvo e a da fermentação, o ideal é manter um intervalo de 1ºC.

      E por mais que as leveduras tenham uma faixa de temperatura de atuação, mínimo e máximo, o correto é você observar qual a melhor temperatura dentro desse intervalo que irá proporcionar os objetivos pretendidos para sua receita, que em muitos casos, você poderá observar na receita ou nas orientações do fabricante, e ajustar o termostato para atuar nessa temperatura.

      Por exemplo, se sua fermentação será conduzida a 19ºC, você deverá ajustar seu termostato para uma temperatura alvo de 19ºC, assim, ao fugir dessa temperatura, ele acionará a geladeira até corrigir essa temperatura.

      Quanto a medição, o ideal é você medir a temperatura interna do balde, que para tanto, basta posicionar o sensor do termostato do lado externo do balde com uma fita isolante.

      Forte abraço e ótimas cervejas.

      Responder
  25. Gustavo

    Olá David, primeramente parabéns pela matéria.

    Apesar de não ser exatamente minha area de interesse está me ajudando muito, estou querendo fazer uma adega para vinhos utilizando a tecnica que você descreveu.

    Como ainda não possuo uma geladeira sobressalente vou comprar uma (muito mais barato que comprar uma adega hehe), minha dúvida é como fica o funcionamento do “congelador”, a temperatura dessa região será sempre mais baixa que do resto da geladeira mesmo usando o termostato na parte de baixo? Ou existe uma forma de “desligar” ele?

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Gustavo,

      Muito obrigado, fico bastante contente em saber que esse conteúdo também é útil para os nossos amigos do vinho..rs

      Na verdade, o termostato irá controlar a temperatura da parte de baixo da geladeira, e quando ele for acionado automaticamente acionará “congelador”. Todavia, independente da temperatura do “congelador”, ao atingir a temperatura alvo na parte de baixo ele irá desligar a geladeira.

      Acredito que deva ter alguma forma de inativar essa parte, mas confesso que não faço a mínima ideia de como fazer. rs

      Forte abraço!

      Responder
  26. JORGE OLIVEIRA

    Olá David e amigos cervejeiros!!

    Sou um mero iniciante nas brassagens e estou com uma duvida em relação à equipamento de controle de temperatura.
    Este termostato TIC-17 Full Gauge ele funciona como um sensor de temperatura ou ele é um sensor e, também, há controle de temperatura?

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Jorge,

      Esse termostato possui ambos, ou seja, ele tem um sensor para captar a temperatura a ser controlada, e o controlador de temperatura, para ajustá-la conforme nossa necessidade.

      Forte abraço e ótimas cervejas.

      Responder
  27. Marco Quintanilha

    Quando vc fala “Após a instalação, coloque a geladeira para trabalhar no máximo;”
    Esse máximo significa o que? Na menor temperatura da geladeira ou na maior? Eu tenho uma Cervejeira Consul, nesse caso eu ligo ela (após instalado o TIC) em que temperatura.
    Lembrando que para fermentação que desejo, tenho que trabalhar em 17ºC

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Marco,

      Esse “no máximo” é a temperatura mais fria de trabalho indicada no controlador da geladeira, mas no caso dessa geladeira especificamente, você poderá colocar para a fermentação no range de temperatura médio e deixar o restante por conta do termostato. rs

      Forte abraço e ótimas cervejas.

      Responder
  28. jhonatan

    Comprei o controlador de temperatura e vou usa-lo. Porém a geladeira que eu tenho é um frost-free, li que o controlador não funciona muito bem com este tipo de geladeira. Você tem alguma experiência de uso do controlador com este tipo de geladeira? Pois o termostato da geladeira ta brigando com o TIC 17

    Responder
    1. David Silva Autor do post

      Olá Jhonatan,

      Também li alguns relatos nesse aspecto, todavia, tenho uma geladeira frost free com o TIC 17 e o esquema de ligação mostrado nesse post funcionando já a alguns anos e nunca tive problema.

      Entretanto, pode ser que algumas marcas/modelos de geladeira por possuírem formas de trabalho diferentes venham a interferir no funcionamento dele sim, é uma hipótese.

      Forte abraço e ótimas cervejas.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*